Da Visão Surrealista Ao Caos Irrelevante do Cotidiano Planejado

Jacek-Yerka-7(Imagem: Yerka, Jacek)

Nos confins da eternidade eu te aguardo nos segundos
E antes fossem os terceiros, não faria diferença
Já não tenho em minha mente consciente a sentença
Que me levaria até o princípio, no arrependimento mais profundo

Mas o tempo é tão injusto e não se guarda em qualquer crença
Nem um porco bem lavado e nem um gato pobre e imundo
E só me cabe então guardar no giro estrábico do mundo
Os motivos passageiros da minhas mais forte desavença

Assim navego da ciência sob o nome de verdade,
Mas voltando à realidade onde a terra é firme e forte
Eu sou apenas mais um poste pelas ruas da cidade

Naufragando em terra fértil à mercê da própria sorte
Onde então eu viverei como quem nega a caridade
Lutando com a própria vida em honra ao que se fará ser morte

– Denani, Daniel –

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s